Contra-Ataque com Roni Molinari

06/10/2017 11:18:00
Preparação dos times de futebol para a próxima temporada do Brasileiro

Sem contrato Futebol clube

O final da temporada de 2017 do Futebol brasileiro se aproxima, e com isso, muitos times começam a planejar a montagem de seu elenco para a próxima temporada, porém, além de reforços, os clubes precisam lidar com a venda e renovação de contratos de atletas. E é sobre isso que eu pretendo falar hoje. Imaginem um time escalado da seguinte maneira: Fernando Prass; Nino Paraíba, Juan, Breno e Egídio; Wesley, Lucas Lima e Danilo; Robinho, Ricardo Oliveira e Lucas Barrios. Seria um bom time para a disputa de um campeonato brasileiro, não?


Pois bem, todos esses jogadores estão com seu contrato terminando no final desta temporada. É óbvio, que muitos clubes já buscam a renovação de contrato desses atletas, mas nenhum deles está com o contrato efetivamente renovado.

Além destes atletas, ainda temos alguns nomes interessantes com contrato acabando em 2017, casos de: 

- Gilberto, atacante do São Paulo. Valor de mercado: 750 mil euros

- Roger, atacante do Botafogo. Valor de mercado: 750 mil euros

- Thiago Ribeiro, atacante do Santos. Valor de mercado: 2 milhões de euros

- Rafael Moura, atacante do Atlético-MG. Valor de mercado: 1,25 milhões de euros

 

- Fernandinho, atacante do Grêmio. Valor de mercado: 1 milhão de euros

- Dênis, goleiro do São Paulo. Valor de mercado: 1,5 milhão de euros

- Emerson Sheik, atacante da Ponte Preta. Valor de mercado: 750 mil euros

O que não falta, é opção de qualidade para reforçar os times brasileiros no ano que vem. Recentemente, o Grêmio contratou o meia Cícero, que estava no São Paulo, para atuar somente na Libertadores da América. O jogador não pode mais jogar o Brasileirão por outra equipe, mas o tricolor já contratou visando o assédio de outros times no meia no final da temporada. O time que se reforça bem, é o time que arruma a casa antes. 


Mais do que contratar, é preciso estar atento ao mercado e também atento aos atletas que estão com contrato vencendo no seu plantel. A temporada 2017 ainda não terminou, mas é preciso pensar na de 2018 o mais rápido possível.



Imagens