REVISÃO DA VIDA TODA APROVADA NO STF!

13/05/2022 17:38:00


  



A notícia que todos esperávamos veio: REVISÃO DA VIDA TODA APROVADA NO STF!  

Essa é a maior revisão de aposentadorias das últimas décadas, que pode beneficiar inúmeros segurados.  

Conhecida também por revisão da "vida inteira" ou "Revisão do Afastamento da Regra de Transição", esta revisão tem por base a utilização de todo o período contributivo do segurado, mesmo que anteriores à julho de 1994.  

Antes da Reforma da Previdência, por causa da Lei 9.876 de 1999, o salário de benefício era calculado levando em conta 80% que correspondia aos maiores salários de contribuição desde 07/1994, data do Plano Real. 

Ou seja, o INSS não considerava as contribuições nas moedas antigas (cruzado e cruzeiro), deixando de fora todo o período anterior a 07/1994, independentemente dos valores da época. 

Desta forma, os trabalhadores que tinham contribuições altas naquela época acabavam sendo prejudicados no cálculo da renda mensal da aposentadoria.  

  

Quem tem direito à Revisão da Vida Toda? 

  

São 4 requisitos que determinam se um aposentado pode ter direito ou não à revisão da vida toda: 

  

1º – Ter se aposentado entre 07/1999 (ano da Lei 9.876/99, conforme já expliquei acima) e 11/2019 (data da Reforma da Previdência).