Médica desaparece em SC por quase 30 horas e é encontrada em ribanceira às margens de rodovia

20/04/2021 09:33:00
Segundo os bombeiros, ela perdeu controle da direção do carro na BR-470, no trecho entre Curitibanos e Taió. Vítima foi encaminhada para hospital com escoriações e sinais de desidratação.

Uma médica que ficou quase 30 horas desaparecida foi encontrada na manhã desta segunda-feira (19) às margens da BR-470, em Pouso Redondo, no Vale do Itajaí.

 

Segundo o Corpo de Bombeiros, Mariana Fossati, de 31 anos, sofreu um acidente de trânsito no início da manhã deste domingo (18) e estava caída em uma ribanceira com sinais de desidratação, mas consciente. Ainda de acordo com a corporação, ela não aparentava ter sofrido fratura ou ferimentos graves e foi encaminhada ao hospital de Curitibanos, no Oeste catarinense.


"Ela permaneceu essas 29 horas sem conseguir sair do local do acidente. Entretanto, a família soube apenas no final do dia de domingo que a vítima não havia chegado no local de trabalho e que, portanto, não sabia seu paradeiro", disse o bombeiro Rodrigo Souza, que participou do resgate.


Segundo o Corpo de Bombeiros, Mariana saiu de casa em Curitibanos com destino a Taió, no Vale do Itajaí, por volta das 5h de domingo. Contudo, ela não chegou ao hospital onde trabalha, o que gerou preocupação entre familiares e colegas.


O acidente ocorreu no deslocamento feito pela BR-470. De acordo com os bombeiros, a suspeita é que a médica tenha perdido o controle da direção do carro e, ao sair da pista, caiu na ribanceira.


Um motorista que passava pela Serra dos Pires, por volta das 10h30 desta segunda, avistou um carro em meio à vegetação e acionou o socorro.


No local, os agentes encontraram a vítima ao lado do veículo com algumas escoriações.


"Ela ficou esse tempo todo incomunicável no local. Lá, não há sinal de rede móvel para fazer ligações ou acessar a internet. A vítima conseguiu sair do automóvel, mas não conseguiu voltar para pista em virtude do relevo do local onde o carro parou", disse o bombeiro.


Mariana foi conduzida ao Hospital Hélio dos Anjos Hortiz, em Curitibanos, para avaliação médica.

Fonte: G1 SANTA CATARINA

Imagens


  • Autor: Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação