Warning: mime_content_type(/home/u210603454/public_html/public/uploads/noticias/7c2bea3396c160ea36ad8f7627580801.jpg): failed to open stream: No such file or directory in /home/u210603454/public_html/module/Jornal/view/layout/jornal.phtml on line 55

Warning: getimagesize(/home/u210603454/public_html/public/uploads/noticias/7c2bea3396c160ea36ad8f7627580801.jpg): failed to open stream: No such file or directory in /home/u210603454/public_html/module/Jornal/view/layout/jornal.phtml on line 56

Ponte Hercílio Luz em Florianópolis é alvo do terceiro furto de fios em 16 dias

08/09/2020 23:12:00
Segundo Secretaria de Infraestrutura de SC, estrutura foi alvo de furtos e pichações desde a reinauguração no fim de 2019. Nenhum suspeito foi detido.

A ponte Hercílio Luz, em Florianópolis, foi alvo do terceiro furto de cabos de iluminação em duas semanas. Segundo a Secretaria de Estado da Infraestrutura (SIE), condutores elétricos foram furtados na madrugada desta terça-feira (8). Nos dias 24 e 31 de agosto ocorreram furtos semelhantes. Nenhum suspeito foi detido.

 

A estrutura reinaugurada há 8 meses a custo de pelo menos R$ 486 milhões tem tráfego de pedestres, ciclistas, ônibus e alguns veículos liberados, mas continua passando por instalação de iluminação cênica. Foram esses fios que foram furtados na madrugada desta terça.


Nos últimos furtos foram levados também fios da iluminação funcional da ponte Hercílio luz, tanto ao longo da estrutura, quanto na subestação continental. Trechos da tubulação da ponte foram abertos e os fios de cobre foram cortados e dezenas de metros furtados.


A Ponte Hercílio Luz é tombada pelo Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), sendo considerada a "mais longa ponte pênsil com sistema de barras de olhal do mundo".


Segundo a secretaria, não é possível fazer emenda nos fios e, por isso, o cabeamento vai ter que ser recolocado em todo trecho, o que pode atrasar os trabalhos. Em entrevista ao Bom Dia Santa Catarina desta terça, o secretário estadual Thiago Vieira falou sobre o andamento das obras.


Casos de pichação


Desde a reinauguração, foram cinco ocorrências na ponte Hercílio Luz: além das três de furto tiveram duas ocorrências de pichação. De acordo com a SIE, por meio da assessoria de imprensa, os valores dessas manutenções estão sendo "administrados dentro dos contratos vigentes".


A secretaria estadual de infraestrutura, responsável pela obra, diz que já pediu mais segurança para Polícia Militar para Guarda Municipal. Na semana passada a Polícia Civil informou que vinha investigando os furtos e a guarda, que faz fiscalizações constantes no local.


Há menos de uma semana, SIE também avaliava possíveis dados na estrutura da ponte após um grupo de torcedores soltarem sinalizadores no local e fogos de artifício próximo da estrutura. Nesta terça-feira (8), a SIE informou que essa ocorrência não causou danos.


Reinauguração após anos fechada


A Ponte Hercílio Luz foi inaugurada em 1926 e por anos foi a única ligação entre a Ilha e a parte continental de Florianópolis. Em 1982 foi totalmente interditada por problemas estruturais. Ela chegou a ser reaberta, mas em 1991 voltou a ser fechada.


As obras de restauração começaram anos após o fechamento e levaram 13 anos. O custo foi de ao menos R$ 486 milhões. Durante os trabalhos, uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc) apontou que, desde a década de 1980, foram gastos R$ 688 milhões.


A reinauguração ocorreu em 30 de dezembro de 2019 com festa durante seis dias na cabeceira da ponte. Houve shows e muitos moradores e turistas aproveitaram para ir no local.


O tráfego de veículos públicos, de emergência e o transporte coletivo ocorreu depois e agora, o governo avalia liberar na semana que vem também o tráfego de carros particulares.

Fonte: G1 SANTA CATARINA

Imagens


  • Autor: Foto: Ricardo Wolffenbuttel/Secom/Divulgação