Indaial conquista Prêmio de Prefeito Empreendedor 2019

30/04/2019 15:57:00


A noite dessa segunda-feira, 29 de abril, foi de grande reconhecimento para a Administração Municipal de Indaial. A cidade, por meio de seu gestor André Luiz Moser, vence10º Prêmio Sebrae Prefeito Empreendedor 2019 –etapa Santa Catarina, na categoria “Inclusão produtiva e apoio ao microempreendedor individual”. título foi concedido em evento na segunda, na sede do Sebrae, em Florianópolis, que reuniu gestores municipais e técnicos de várias cidades catarinenses.


Com o Prêmio Prefeito Empreendedor, o Sebrae pretende reconhecer a capacidade administrativa dos gestores públicos que tenham implantado projetos com resultados comprovados, ainda que parciais, de estímulo ao surgimento e ao desenvolvimento de pequenos negócios e à modernização da gestão pública.


Além do troféu de Prefeito Empreendedor, Indaial recebeu mais dois selos e dois troféus por ser finalista nas categorias “Inclusão produtiva e apoio ao microempreendedor individual” “Desburocratização e Implementação da Redesimples”.


Para o prefeito André Moser, a premiação é o reconhecimento pelo atendimento prestado a todos os empreendedores através da Sala do Empreendedor de Indaial. “Esse prêmio demonstra que retomamos o crescimento econômico da nossa cidade, incentivando quem aqui gera emprego e renda. Faço um reconhecimento especial a toda nossa equipe de governo. Agora avançamos à próxima fase: representamos Santa Catarina na premiação nacional, no mês de junho”, comemora.


Sala do Empreendedor – Compromisso com o Desenvolvimento Local” é o nome do trabalho realizado pela Prefeitura de Indaial dentro da categoria “Inclusão produtiva e apoio ao microempreendedor individual”.


nova Sala do Empreendedor de Indaial, denominada de Sala do Empreendedor “Henrique Wanke Sênior”, se tornou um importante projeto de desenvolvimento econômico e social da cidade. Hoje ela é referência entre os empreendedores de Indaial e região, pois, nesse espaço, o empresário ou o empreendedor podem ter informações necessárias para a abertura de seu empreendimento, bem como toda orientação quanto às suas obrigações e direitos para os que já estão formalizados.

Sala conta com atendimento de segunda a sexta, das 8h às 12h e das 13h30 às 17h30, no prédio da Prefeitura,por dois atendentes. Nesse novo ambiente são disponibilizados os mais diversos serviços: orientação, abertura, baixa, alteração de cadastros, emissão de guias, certidões, Notas Fiscais de Serviço Eletrônica, declaração de faturamento, cadastramento de ME, EPP, MEI e outras empresas e pessoas físicas; capacitações e consultorias por intermédio de parcerias com Sebrae e outros palestrantes; consultorias individuas na área de gestão para capacitação dos empreendedores locais; distribuição de material orientativo aos cidadãos e empreendedores de forma geral; plantão fiscal, tendo como objetivo prestar informações e orientações às micro e pequenas empresas e pessoas físicas, efetuando também o atendimento dos protocolos digitais e atendimento aos escritórios decontabilidade de forma geral; toten de autoatendimento para obtenção de guias de pagamento, emissão de certidões de Notas de Serviço Eletrônica, acesso aos serviços do Portal do Empreendedor e do Portal da Prefeitura, entre outros.


Além disso, o Município conta com legislação de desburocratização que permite um atendimento rápido e dentro das normas legais. Também há parcerias com Vigilância Sanitária e a Epagri.


Os resultados obtidos são mais empresas abertas e formalizadas. Até 2016 havia 2.014 MEIs ativos, esse número passou para 3.335 até março de 2019, representando um saldo no período de 1.321. O número de CNPJs ativostambém cresceu: de 5.149 até 2016 para 7.163 até março de 2019, mostrando um saldo de 2.014. Ainda destaca-se melhor comunicação entre empreendedores e poder público e o número expressivo de atendimentos na Sala – em 2018 foram 5.921.


Com os serviços colocados à disposição na Sala do Empreendedor conseguimos diminuir o desemprego, gerando renda para os cidadãos. Destaca-se também a economia monetária gerada por esses empreendedores, que, em sua maioria, fica na própria cidade, gerando mais Impostos e taxas para o município aplicar na educação, saúde e obras de infraestrutura”,comenta Altair Simão, Agente de Desenvolvimento da Prefeitura.

Fotos: Sebrae

Fonte: Prefeitura de Indaial

Imagens