Temporais causam transtornos e falta de luz em Santa Catarina

21/12/2018 13:26:00
Por volta das 19h50min, a região de Florianópolis era a mais atingida pela falta de energia elétrica, segundo a Celesc

Temporais causaram transtornos em Santa Catarina nesta quinta-feira (20). Mais de 104 mil unidades consumidoras, que incluem residências, comércio e indústrias, estavam sem energia elétrica às 19h50min, segundo dados da ferramenta em tempo real da Celesc. Além disso, foram registrados destelhamentos e queda de árvores em diversas regiões, principalmente Oeste.

A noite deve seguir com chuvas. Às 19h29min, a Epagri/Ciram divulgou previsão de temporais em todas as regiões de SC até às 23h, com chuva, raios, ventania e granizo isolado.

A região mais afetada pela falta de luz às 19h50min era a da Grande Florianópolis, com 42,9 mil unidades sem luz. Na região da metropolitana da Capital, por volta das 20h30min, 420 chamados diferentes estavam registrados. Ao todo 32 equipes de plantão/emergência estavam trabalhando na regional.

No Vale do Itajaí, pelo menos 30 mil unidades estavam sem luz às 23h. Em Blumenau, os bairros mais atingidos eram Testo Salto e Vila Itoupava.

A região de Criciúma estava com 10,7 mil unidades sem luz. Rio do Sul registrou 8,6 mil unidades sem energia, já São Bento do Sul, 7,6 mil.

Joinville, Lages e Mafra e cidades ao redor apresentaram falta de luz em cerca de 5 mil unidades.

Em nota, a Celesc diz que as equipes estão em campo atendendo por ordem de prioridade/risco as ocorrências em função do temporal.

"Com ventania, muitos objetos e vegetações são lançadas sobre a rede elétrica, isso gera um grande número de chamados diferentes também. Em Florianópolis cinco alimentadores de energia estão fora de operação", diz a nota.

Vendaval em Xanxerê destelha casas e derruba árvores

Em Xanxerê, por volta das 17h30min, o vendaval destelhou casas e derrubou árvores. Uma das árvores caiu sobre um carro e uma vítima ficou presa. Pelo menos 18 residências foram atingidas no município, segundo a Defesa Civil. Em Concórdia, a chuva intensa provocou alagamentos em diversos pontos da cidade.

Segundo a Defesa Civil, às 14h, em Itá o vendaval provocou queda de árvores e destelhamento.

Fonte: Jornal Santa Catarina

Imagens


  • Autor: (Foto: Celesc/ Divulgação)

  • Autor: defesa civil

  • Autor: defesa civil